Quem tem fome tem pressa

Projeto arrecada alimentos e itens de higiene para comunidades carentes

Bons exemplos inspiram. E em um momento de tensão, em plena pandemia de Covid-19, podemos ver uma onda enorme de boas atitudes a favor do próximo. Uma dessas ações é encabeçada por professores do Colégio Positivo. Batizada de “Quem tem fome tem pressa”, a iniciativa, que reúne seis professores, tem como intuito arrecadar fundos para a compra de alimentos e itens de higiene, destinados a comunidades carentes.

“Lembro-me que a tensão devido ao coronavírus estava latente. O momento propiciou a ideia e o acolhimento da ação pelos integrantes do grupo. O start foi dado pelo professor Rogério Cunha, nosso idealizador, e prontamente montamos um grupo adicional para gerenciar essa iniciativa”, explica Arnaldo Felipe Júnior, professor de Matemática do Colégio Positivo.

Com o movimento, as pessoas são convidadas a doar R$ 30 – embora muitas doações tenham ultrapassado esse valor. Com o dinheiro, o grupo compra cestas básicas, álcool em gel, sabonete e outros itens. “Nossa primeira doação foi no bairro Caximba, para o projeto Movevidas, que fez a distribuição para as famílias cadastradas”, conclui Júnior.

Quem quiser participar com a doação de qualquer quantia pode fazer contato pelo Whatsapp: (41) 99527-7711.

voltar ao topo